Categorias: Notícias

A beleza e a magnitude do Cânion de Xingó atraem milhares de turistas

Localizado em Canindé do São Francisco, no Alto Sertão de Sergipe, o paredão rochoso emoldura as águas esverdeadas do Velho Chico

Publicação: 17/01/2024

Gruta do Talhado é passeio extra na parte mais estreita do cânion

O Cânion de Xingó é um dos mais incríveis pontos turísticos de Sergipe. Aliás, é um dos mais famosos. Está situado no município de Canindé do São Francisco, no Alto Sertão sergipano, a 213 quilômetros da capital, Aracaju, e faz divisa com Piranhas, em Alagoas. Como uma moldura gigantesca, o paredão de rochas areníticas embeleza ainda mais o Rio São Francisco. São 65 quilômetros de extensão e paredes rochosas de até 50 metros de altura.

Destaque-se que o cânion do Velho Chico, como é carinhosamente chamado o rio, é o quinto maior cânion navegável do mundo. Formado por obra humana devido ao represamento das águas do São Francisco com o objetivo de gerar energia na Usina Hidrelétrica de Xingó, o cânion é o cartão de visitas da região, o que projetou o município no mapa turístico do Estado e do Brasil. A localidade, aliás, se tornou conhecida internacionalmente ao servir de cenário para novelas e minisséries.

O passeio no Velho Chico é feito em um catamarã que parte do Restaurante Karrankas

O fato é que tanta beleza e magnitude atraem milhares de turistas ao destino todos os dias. São pessoas que vão em busca das belezas naturais e do banho no Velho Chico, que nasce em Minas Gerais e passa por cinco estados – Bahia, Goiás, Pernambuco, Alagoas e Sergipe –, além do Distrito Federal. Inclusive, as agências de turismo em Aracaju oferecem passeios bate-volta quase que diariamente ao Cânion de Xingó para visitantes locais e turistas de outros estados.

O passeio no Velho Chico é feito em um catamarã que parte do Restaurante Karrankas, em Canindé do São Francisco. Dura em torno de três horas: uma hora de trajeto de ida, uma hora de banho na piscina formada por uma rede protetora e mais uma hora de volta. É possível, ainda, fazer stand up paddle nas águas tranquilas e praticar rapel no belo cânion. Ressalte, aliás, que é uma sensação única passar bem pertinho dos paredões gigantes e avermelhados em contraste com o verde-esmeralda das águas fluviais. Sem dúvida, é um dos mais belos espetáculos do planeta.

Vale ressaltar que o ponto alto da viagem é poder alugar uma vaga em um barquinho e navegar na parte mais estreita do cânion, a Gruta do Talhado. Trata-se de um trajeto à parte, que dura 15 minutos. Depois disso, o catamarã retorna ao Restaurante Karrankas, que se destaca na região pela estrutura às margens do São Francisco e, claro, pela deliciosa gastronomia. O fato é que sentir de perto toda essa beleza natural é vivenciar uma experiência única e inesquecível.