Categorias: Notícias

Encante-se e sinta as belezas da Praia do Saco

Localizado no Litoral Sul, destino turístico possibilita passeios de lancha pelo mar de águas cristalinas e de buggy nas dunas de areia fina e clara

Publicação: 19/01/2024

Na Ponta do Saco, o mar encontra o Rio Real 

Para conhecer Sergipe de fato, é preciso senti-lo de perto. Sentir as belezas naturais tão atraentes e diversas que o Estado possui, onde cores, texturas, cheiros e também sabores são a mescla sensorial que torna um destino turístico inesquecível para os visitantes. Que tal, então, sentir de perto a Praia do Saco? Localizada no município de Estância, é uma verdadeira pintura no Litoral Sul sergipano, já na divisa com a Bahia e a 70 quilômetros da capital, Aracaju.

Não é exagero dizer que a Praia do Saco se destaca como uma das mais belas de Sergipe. Inclusive, ela foi eleita uma das cem praias mais bonitas do mundo de acordo com a revista francesa Grands Voyageurs. Ali, a natureza caprichou ao oferecer um cenário paradisíaco com mar cristalino e de tons esverdeados, areia fina e clara, coqueiros, dunas, rio e até mangue.

Ao chegar, caminhe pela orla e vá até a centenária Capela Nossa Senhora da Boa Viagem. Infelizmente, ela está fechada, mas, mesmo de fora, a beleza da arquitetura histórica já rende boas fotos. Curta, então, o sol e o mar sem esquecer o protetor solar. É verdade que se trata de uma opção de passeio mais econômica e tranquila. Agora, se você quer um pouco mais de diversão e aventura, invista nos passeios de lancha e de buggy. Nesse caso, a dica inicial é: chegue o mais cedo possível para curtir a região o dia inteiro, sem pressa.

 

Passeio de lancha

De lancha, os turistas podem visitar as ilhas

Se você quer realmente conhecer as belezas da Praia do Saco, vale fazer um passeio de lancha até as ilhas e bancos de areia que se formam e se modificam conforme a maré. Mais uma dica? Aproveite o roteiro completo: a Ilha da Sogra, Ilha do Sogro e Ponta do Saco, onde o mar encontra o Rio Real, passando pelos manguezais. Detalhe: é na Ilha da Sogra onde há lindas piscinas naturais que fazem o turista se sentir num paraíso.

Os passeios de lancha partem de três pontos da praia. Com apoio da Cooperativa de Lanchas da Região Sul de Sergipe (Cooperlanchas), o turista pode alugar uma das embarcações por R$ 250 para até cinco passageiros. Os barcos comportam, no máximo, sete pessoas. Mas, caso haja passageiros adicionais, são cobrados R$ 50 por cada cliente a mais. Há, inclusive, outros veículos náuticos na Cooperativa com capacidade para levar até dez pessoas.

No verão, época de maior movimento de turistas, os lancheiros atuam das 7h às 17h. Eles conduzem a lancha com destreza, garantindo aos passageiros a tranquilidade necessária para que todos aproveitem a aventura com emoção, mas sem sobressaltos. O passeio dura, em média, uma hora e meia, levando-se em conta que, a cada parada, o turista pode usufruir do lugar por cerca de 25 minutos. É tempo suficiente para vislumbrar e sentir muito de perto as belezas naturais de encher os olhos.

Mirante no topo das dunas

Difícil não se encantar pela Ponta do Saco. Apesar de ser um local inóspito, o turista pode pedir um coco, beber a água docinha, enquanto come um delicioso pastel de camarão feito no único bar do local. O estabelecimento é, na verdade, uma estrutura bem simples e rústica, feita de madeira e palha. Itinerante, ele é deslocado sempre que o mar invade a faixa de areia, o que tem acontecido constantemente. Não há energia elétrica no local, mas sobram simpatia e boas opções de petiscos, como porção de carne do sol, camarão, caranguejo, peixe frito e pastéis de vários sabores.

 

Gastronomia em alta

Restaurantes oferecem deliciosa gastronomia

Por falar em comida, na Praia do Saco, há vários restaurantes que oferecem deliciosa gastronomia, mesas na faixa de areia, vista para o mar e fácil acesso à praia. Um dos mais antigos estabelecimentos é o Piratas Vip, com mais de 40 anos em atividade. O restaurante oferece boa culinária e atendimento de primeira. O carro-chefe é a moqueca de peixe ao molho de camarão. E o diferencial é que o peixe é fresquinho, pescado pelo próprio dono do estabelecimento. O cardápio, aliás, é bem-variado, uma explosão de sabores: há caranguejo, moqueca de camarão, pirão de guaiamum, peixe frito e muito mais.

 

Passeio de buggy

Passeio de buggy nas dunas é pura diversão

Depois de bem-alimentados, dá até para os turistas fazerem a sesta, afinal, redes espalhadas pela praia são um convite ao descanso. Porém, quem vai a Estância busca também emoção. E aí é a hora de se aventurar em um dos cenários mais estonteantes do município: as dunas da Praia das Dunas.

O mar de areia é uma das principais atrações para quem visita o destino turístico e que garante adrenalina em alta. Assim, o passeio de buggy possibilita aos turistas conhecerem mais a cidade e a região. O percurso tem algumas paradas e dura cerca de uma hora e meia. No roteiro, estão dois pontos no alto das dunas, ambos com uma belíssima vista, além de uma parada em mar aberto, na Ponta do Saco.

A sugestão é fazer o passeio de buggy no fim de tarde, quando a paisagem fica ainda mais bonita, sob os últimos raios de sol. Em um dos mirantes no topo das dunas, há um balanço encantador, que rende ótimas fotos e bons momentos de contemplação. A sede da Cooperativa dos Bugueiros da Praia do Saco, a BuggyTur, fica próximo à orla, anexada ao restaurante Asa Branca, um dos mais conhecidos da região. O passeio para até quatro pessoas custa R$ 200. No mês de janeiro, quando há um fluxo maior de turistas, um bugueiro chega a fazer cinco viagens por dia. E é assim, fomentando o turismo por meio do desenvolvimento da cadeia produtiva, que o Destino Sergipe vai se fortalecendo e atraindo mais e mais turistas.

 

*Fotos: César de Oliveira/Secom*